Fernanda Salvador

Fazendo escolhas inteligentes

A capixaba  Fernanda Salvador mostra que a alimentação saudável e a rotina de atividade física são indispensáveis para se manter sua saúde e boa forma.

A personal trainer e nutricionista Fernanda Salvador é capixaba e, atualmente, mora nos Estados Unidos. Ela é adepta a alimentação saudável, mas isso não é motivo para que deixe de comer algo que está com vontade, como uma pizza ou outro alimento calórico. Além da boa alimentação pratica atividade física regularmente e afirma que nos finais  de semana, caso sinta vontade, consome alimentos que não fazem parte da sua rotina.    

“Comer pizza não prejudica a dieta, o segredo é a consistência. Se eu comer pizza, chocolate e outras gostosuras o tempo todo, é claro que aumentarei meu peso e gordura corporal, mas se eu for para a pizzaria somente em um dia da semana, como o domingo, por exemplo, isso não me engordará. Procuro fazer escolhas inteligentes, optando por uma pizza onde a massa é menos grossa e integral, pois contém mais fibra. Busco ter a certeza que minha comida tem proteína e fibra porque é o tipo de alimento que eleva menos a insulina.  Com a insulina alta, o corpo passa a armazenar gordura”.    

Fernanda afirma que comer alimentos com carboidratos refinados e açúcares numa única refeição são práticas raras. No caso da pizza, ela troca a que contém recheios gordurosos por uma com vegetais ou frango. Desta forma, evita que sua insulina eleve tanto.  Ela diz que o tamanho da porção também é algo que deve ser levado em consideração, e se permite comer uma ou duas fatias de pizza apenas. Para acompanhar a comilança, procura beber somente refrigerante diet que tem menor quantidade de açúcar. Depois da comilança retoma a semana com uma boa dieta, mantendo a alimentação de forma saudável.    

"O negócio é contrabalancear as calorias durante o dia, para não haver excessos”, afirma.   

fernanda salvador personalFernanda fala que os atletas bodybuilders que participam de competições nos Estados Unidos, tiram um dia da semana  para o “garbage day” (dia do lixo), onde consomem aquilo que desejam. Ela frisa que o dia do lixo não fará com que os atletas engordem, por terem metabolismo elevado e acrescenta que durante a semana, eles retornam à rotina de academia ‘pesada’ e à alimentação regrada.        

“Quem busca se alimentar de forma mais equilibrada pode comer sobremesa de vez em quando, sem excessos. A maioria das pessoas que desejam perder peso têm preocupação excessiva com a balança. O peso do nosso corpo oscila, não representando ganho de gordura corporal. O aumento do peso pode ser causado por vários fatores. Quando começamos a fazer musculação podemos aumentar nosso peso na balança, porque músculo pesa mais que gordura. Portanto, o aumento de peso na balança pode ser causado por músculo e não de gordura. A retenção de líquido também é outra causa do aumento de peso. O músculo deixa o corpo mais afinado, bonito, com menos gordura, firme e definido. Correr e caminhar, não formam músculos. O melhor exercício para isso é a musculação, porque quanto mais massa muscular, o processo metabólico passa a ser mais elevado. Musculação é o exercício mais importante para aumentar os músculos, fortalecer o corpo e auxiliar na perda de peso. As pessoas não estão cientes que o corpo perde massa muscular quando estão envelhecendo. Reclamam dizendo que o metabolismo corporal está diminuindo. Isso quer dizer que os alimentos que comiam quando tinham 30 anos de idade e não engordavam, agora com 40 ou 50 anos passam a ganhar peso, apesar de comer os mesmos alimentos, mesmo em menor quantidade. A musculação ajudará o processo metabólico, diminuindo a quantidade de gordura corporal.  Além disso, dará maior definição ao corpo, combatendo a flacidez. A flacidez passa a ser somente um processo natural de envelhecimento do corpo. Quanto menor a massa muscular, maior será a flacidez, conclui.